skip to Main Content

Calcular o Valuation é essencial. Veja como fazer de forma simples

O Valuation existe para que você saiba qual é o valor da sua empresa e quais são os atrativos que ela tem em uma hipotética busca por compradores. Esse número será importante na busca por encontrar sócios ou firmar acordos com investidores.
É fundamental saber quanto vale o seu negócio em nome da perpetuidade da empresa. Mesmo que sequer pense em vendê-la, e o melhor modo de obter essa informação de forma clara e precisa é realizar o Valuation.

O conceito de Valuation (valor eixo de uma empresa)

O termo foi originado da palavra em inglês value (valor). Sendo assim, podemos resumir Valuation como um dos métodos de avaliação de empresas que visa determinar o seu valor final do negócio.

Qual é a importância do Valuation para as empresas

O valuation é fundamental para a gestão financeira, por exemplo no processo de venda de uma empresa. Já que atribuir um valor muito alto pode afastar os interessados pela compra, e o oposto também ocorre, valores baixos representam prejuízos para o vendedor.
Razões como essas atestam como é tão importante ter um método para calcular o valor de uma empresa.

Contudo, encontrar uma cotação realista exige verdadeiro empenho, tarefa que pode ser feita de diferentes maneiras. Normalmente há três abordagens empregadas para a realização do Valuation, são elas:

  • O Fluxo de caixa descontado.
  • O valor patrimonial.
  • Múltiplos de mercado.

Vejamos as três abordagens em detalhes.

banner planilha de valuation em excel


O que é Fluxo de Caixa Descontado

O método para avaliação de empresas chamado fluxo de caixa descontado ganhou a preferência por possuir uma maior exatidão em comparação com os outros dois. Contudo, esta também pode ser também a forma mais complexa para empresas que não tenham controle do fluxo de caixa livre.
A teoria por trás do método de fluxo de caixa descontado diz que a empresa vale o que ela gera de lucro aos seus sócios, esse valor é apresentado ao comprador e ele se posiciona como um sócio futuro. Para simplificar, com este método uma empresa teria o valor que fosse capaz de gerar aos seus proprietários.

Calcular o valor de uma empresa por meio do fluxo de caixa descontado requer alguns passos, veja:

1. Faça o cálculo do fluxo de caixa histórico
Calcule o fluxo de caixa dos últimos anos. Lembrando que o fluxo de caixa é a organização das receitas e das despesas dentro de um intervalo de tempo determinado. Este fluxo de caixa também inclui impostos e investimentos, obtendo o resultado do quanto a empresa lucrou no último ano.
Esse resultado é utilizado na análise do quanto a empresa é capaz de gerar aos seus empresários.

2. Faça uma projeção do fluxo de caixa e uma projeção de gastos
Em posse do histórico do fluxo de caixa você irá estabelecer projeções financeiras para os próximos 5 ou 10 anos. Utilize premissas para prever os resultados financeiros, por exemplo:

  • Crescimento das despesas médio de 5% ao ano
  • Diminuição das vendas de X% ano.

Lembrando que esses “palpites” precisam fazer sentido no histórico do fluxo de caixa da empresa.

O histórico também pode apresentar fatos esporádicos incomuns: uma multa ou um gasto extra com o pagamento de contas pessoais, ou seja, valores que não fazem parte da operação da empresa. Aconselha-se que valores assim sejam desconsiderados, porque representam gastos circunstanciais que não fazem parte da realidade da empresa no dia a dia.
Outro ponto importante está em apresentar premissas que estejam dentro das possibilidades da empresa, sem pessimismo nem otimismo.

3. Calcule a taxa de desconto
Neste ponto você irá estabelecer a taxa de desconto (chamado WACC). A taxa de desconto considera os riscos da atividade e as oportunidades de investimento. Por exemplo:
um empresário consegue um retorno de 12% ano com o Tesouro Direto (aplicação conhecidamente segura), por qual razão ele aplicaria dinheiro em uma empresa com rendimento abaixo desse valor? Portanto, nessa situação, a taxa de desconto deverá ser maior do que 12%.

4. Calcule o valor presente do Fluxo de Caixa Projetado
Depois de fazer as projeções da empresa para os próximos 5 ou 10 anos e também calcular a taxa de desconto, você irá trazer os resultados a valor presente.

planilha valuation em excel dashboard

Outros índices de avaliação de empresas

  • Cálculo EBITDA: O acrônimo EBITDA significa Lucros antes de Juros, Impostos, Depreciação e Amortização, que é a tradução da expressão em inglês Earnings before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization. O cálculo do EBITDA demonstra quanto a empresa gera de caixa com base exclusivamente em suas atividades operacionais.
  • VPL: O Valor Presente Líquido (VPL) é calculado para saber qual é o valor atual de um investimento e a sua rentabilidade.
  • TIR: Taxa interna de retorno (ou taxa interna de rentabilidade), em inglês IRR, é uma taxa de desconto hipotética que aplicada ao fluxo de caixa, faz com que os valores das despesas sejam iguais aos valores dos retornos dos investimentos. Ou seja: é uma medida relativa para demonstrar quanto rende um investimento, considerando a mesma periodicidade dos fluxos de caixa do projeto.
  • Payback: é um indicador do tempo de retorno de um investimento.

O Valor Patrimonial

Calcular o valor de uma empresa é importante para o plano de negócios, pois interfere diretamente no poder de venda dessa empresa.
Utilizando o método de fluxo de caixa descontado é útil para empresas que gerem lucro. Contudo, se você elaborar o Valuation de empresas sem fluxo de caixa com essa fórmula irá descobrir que o valor final será igual a zero. O que impede que esse método seja feito para vendas de empresas que estejam com as contas negativas.

Em casos deste tipo é preciso utilizar um outro método, uma abordagem que também funciona para empresas que possuam baixo fluxo de caixa, mas altos investimentos em outros fatores como equipamentos de alto valor.

Nesses casos será melhor avaliar o valor patrimonial calculando os ativos tangíveis e intangíveis. A diferenciação desses ativos é feita seguindo uma regra:

  • Tangíveis são elementos físicos, como imóveis, veículos, máquinas, equipamentos. O que pode ser transformado em recursos financeiros também precisa ser considerado: contas a receber é um ótimo exemplo.
  • Intangíveis são ativos que não possuem “existência corpórea”, como uma licença de software, a assinatura de um serviço específico, ou os direitos autorais.

banner planilha de valuation em excel

O cálculo do valor patrimonial também contempla os passivos, como contas a pagar, dívidas, passivos trabalhistas.

Após somar todos os ativos e todos os passivos o cálculo será:

Ativos – passivo = valor patrimonial

Há ainda uma situação extra: imagine que o valor da empresa é maior na metodologia de valor patrimonial em comparação ao fluxo de caixa descontado. Se esse for o caso a melhor solução seria liquidar os ativos, pois essa seria a maneira mais fácil e rentável de vender a empresa.

Método de Múltiplos de Mercado

Quanto vale uma empresa que não apresenta fluxo de caixa e também não tem ativos para liquidar? Esse número é encontrado ao calcular utilizando o método de múltiplos de mercado.

A teoria dessa metodologia diz que os negócios semelhantes têm valores próximos. Sendo assim, o cálculo utiliza a comparação de valor entre empresas parecidas, que estejam do mesmo setor.
É sem dúvida a forma mais simples de calcular quanto vale uma empresa, pois considera outros fatores que não fazem parte das especificidades da empresa avaliada. Contudo, os outros dois métodos invariavelmente são muito mais exatos.

Como calcular utilizando o método múltiplos de mercado

Defina quais indicadores de atratividade serão comparados. Os mais utilizados são:

  • Múltiplos de lucro – Utiliza o preço por ação (denominado P) e divide pelo lucro por ação (em L), o resultado é comparado ao de outras empresas.
  • Múltiplos de faturamento – Este considera o preço a partir do faturamento dentro de um período.
  • Múltiplos de valor patrimonial – o cálculo é feito com o valor de mercado dividido pelo valor do patrimônio líquido da empresa.

Conheça as ferramentas fundamentais para Valuation e gestão de empresas

Planilha Excel de Valuation: clique aqui e conheça uma planilha pronta em Excel com todas funções necessárias para você calcular o valuation da sua empresa.

Para fazer o Orçamento Empresarial indicamos esta planilha, clique aqui e acesse essa ferramenta para fazer o planejamento de receitas, dos gastos, dos investimentos e acompanhar mensalmente os resultados.

E se você deseja saber quantos produtos a sua empresa deve vender para gerar lucro, clique aqui e conheça a planilha de Ponto de Equilíbrio, com ela você terá controle sobre o preço necessário para acelerar o lucro na sua empresa.

Nós da EvoluHub trabalhamos todos os dias para trazer conteúdos e ferramentas produtivas que facilitam a vida das pessoas em seus empreendimentos, independente da fase do negócio.
Aplique o que aprendeu e nos conte os resultados. Você aprende conosco e nós também aprendemos com as suas necessidades. Isso é sinal de inteligência.

Saiba mais sobre nós

Back To Top